quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Eu sou

Sonhos interrompidos
e detalhes despercebidos

Sou
Choros sem razão
pessoas no coração
atos de impulsão

Sinto 
Falta de lugares que não conheci
experiências que não vivi
momentos que esqueci

Sou
Amor e carinho constante
ainda que distante

Tive noites mal dormidas
e promessas não cumpridas

Hoje
Eu sinto pelas coisas que não mudei
por aqueles que julguei
pelas amizades que não cultivei

Tenho
Saudade daqueles que não conheci
das lembranças que fui esquecendo
das pessoas que fui conhecendo.







De presente para os meus leitores: música e letra linda! 
Espero que gostem, porque eu AMEI!



=D



sábado, 3 de dezembro de 2011

Well,



durante toda a vida temos regras básicas de sobrevivência: comer, dormir, trabalhar e amar. E é engraçado porque isso nos é imposto desde crianças pelos nossos pais. 
Temos a obrigação de dormir bem, para estudar bem, para trabalhar bem, para comer bem, para amar bem. 


Mas ai vem a questão: porque tem que ser assim? 
Quem disse que eu quero dormir bem?  
Porque tenho que estudar nos padrões?
Alguém já questionou no que realmente quero trabalhar?
E se eu não quiser me alimentar como os outros?
E o melhor: quem disse que eu quero AMAR alguém?


Desde sempre nos é imposto que na vida temos obrigações e regras, mas perguntam se queremos segui-las? Bom, de forma geral, regras são válidas para a harmonia de uma sociedade, mas isso vale até o ponto onde terminam as fronteiras da vida social. 


Chega um momento em que tudo isso CANSA, CHATEIA.
E ai chega a hora em que temos que decidir entre virar a página ou fechar o livro!







E chega um momento em que você tem que escolher entre virar a página ou fechar o livro.


domingo, 27 de novembro de 2011

Música!



Well, aqui temos uma das minhas músicas preferidas de uma das cantoras que mais ouço. E além de ter um bom arranjo também é muito romântica. 
Bom, espero que gostem porque eu curto muito!




=)


quarta-feira, 16 de novembro de 2011

O mundo

das Ilustrações.


Assim é chamada a coluna do jornal 'O Globo' que reúne imagens com as principais características sobre cada lugar do mundo que é desenhado.
Bom, vou postar aqui as minhas preferidas:




















Lindas não?
Caso queiram olhar tudo, aqui está o endereço: 

=)

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Amar

É perdoar. 
Justamente as pessoas que mais amamos, são aquelas que mais perdoamos.






=)

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Um trio de


astrônomos que lideraram nos anos 1980 e 1990 observações precisas de explosões estelares em galáxias distantes chamadas de supernovas tipo Ia, ganharam em 2011 o Prêmio Nobel de Física. Ainda segundo o blog "Universo Fisíco", as supernovas tipo Ia acontecem quando uma estrela pequena mas muito massiva, conhecida como anã branca, engole demais o gás de uma estrela maior próxima a ela.
E para entender melhor como isso acontece, aqui vai uma explicação dessa descoberta em um minuto, nesta animação da série Minute Physics, feita por Henry Reich. Este episódio tem a participação especial do cosmólogo Sean Carroll, como narrador. 
E as legendas em português são do autor do blog "Universo Físico" :



=D


quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Eu sofri



TANTO com a queda do acento agudo dos ditongos abertos (éi, ói, éu) em palavras paroxítonas =(

geleia, centopeia, colmeia, ideia, espermatozoide, geoide, heroico, paranoia, prosopopeia, proteico, SEM ACENTO é triste...


quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Coisinha que Adoro !*



Well, primeiro gostaria de mostrar que estou MUITO feliz em voltar a postar aqui, adOro escrever no blog. Prometo como voto de casamento publicar sempre que possivel! :D

Bom, então pra começar a nova temporada, encontrei essas figuras da  Amanda Dumas-Hernandez.
São pratos decorados com elementos (tecidos/órgãos) do corpo humano como papilas gustativas, rins e cólon.












domingo, 14 de agosto de 2011

 


Tratando da minha 'leve' queda pelas músicas do Jack, aqui foi uma das minhas preferidas.

:)



quinta-feira, 7 de julho de 2011

quarta-feira, 29 de junho de 2011


Vídeo do dia!



ps: desista Tyler, já disse que não faz meu tipo? ...
Não faz.

;)

sexta-feira, 24 de junho de 2011


Vídeo do dia!




Medicina Baseada em Rótulos?


De acordo com o blog 'Dream generator', há atualmente uma forte tendência na Psiquiatria, principalmente nos Estados Unidos, em rotular as pessoas e esconder suas peculiaridades por detrás de diagnósticos, por vezes inexistentes. Pode ser usado como exemplo, o Transtorno de Deficit de Atenção e Hiperatividade, que leva milhares de crianças a fazerem uso de drogas fortes e prejudiciais como a Ritalina, que poderia ser substituída por medicações mais suaves. 

Em contrapartida, doenças como Transtorno Afetivo Bipolar, inclusive comprovadamente genética e que tem como sintomas Psicose Maníaco-Depressiva, Hipomania, Depressão Recorrente, Ciclotimia e certos tipos de Distimia e até mesmo alguns tipos de Transtornos Obssessivo-Compulsivos, Transtornos Alimentares eTranstornos de Ansiedade Generalizada; quando bem diagnosticada dificilmente se manifesta de forma recorrente. 

A minha intenção com este post não é promover críticas destrutivas, mas sim questionar a interação profissional-paciente. Muitas vezes, o profissional da saúde (não só médicos) podem não acompanhar o paciente e, de forma muitas vezes empírica, soltar diagnósticos decisivos e que levarão algum tipo de prejuízo ao paciente como uso indiscriminado de psicotrópicos e promoção da discriminação social e individual. Pensem nisso! 





quarta-feira, 22 de junho de 2011



Vídeo do dia!


Uma boa opção para quem gosta de documentários e filmes que abordam a temática existencial é assistir Kymatica. 
Trata-se de um filme centrado na consciência humana e universal que assinala psiquê doença que a humanidade tem induzido que está criando insana ilusão que é a principal causa da dor e do sofrer. Avança mais em aspectos metafísicos e conecta antigos mitos e a história escondida com modernas formas de sociedade e resultado político. Globalmente, tenta apontar o erro de que a humanidade está enfrentando hoje, que resultou em desequilíbrio entre planeta, da natureza e das espécies. 
Mas, acima de tudo, mostra que que o mundo também é um ser vivo.

Aqui estão partes do filmes que foram dividas:

Kymatica 1:


Kymatica 2:
http://www.youtube.com/watch?v=crBgsNawq3U
Kymatica 3:
http://www.youtube.com/watch?v=Czc5EZSGBZA&NR=1
Kymatica 4:
http://www.youtube.com/watch?v=KNtDDhJgcuM
Kymatica 5:
http://www.youtube.com/watch?v=qcyvGQD1VHc
Kymatica 6:
http://www.youtube.com/watch?v=8PdrjnOjOSE
Kymatica 7:
http://www.youtube.com/watch?v=hZmtlOikdGE
Kymatica 8:
http://www.youtube.com/watch?v=m87P2es5-Yg&playnext=1&list=PL32C8F69F53D1BD20
Kymatica 9:
http://www.youtube.com/watch?v=PhN6Q5o_K0Y

Demora um pouco para assistir, mas vale a pena.
:)

segunda-feira, 20 de junho de 2011



Nova vacina contra o câncer é testada com sucesso


Fonte: Veja




Segundo o INCA (Instituto Nacional do Câncer), denomina-se câncer a proliferação desordenada de células que invadem tecidos e órgãos, tendendo a características agressivas e incontroláveis .
Baseado neste assunto, a revista Veja publicou essa semana: "uma pesquisa conjunta de cientistas americanos e britânicos resultou no desenvolvimento de uma nova arma no combate ao câncer: uma vacina capaz de destruir os tumores. O estudo da Universidade de Leeds, na Inlgaterra, e da Clínica Mayo, nos Estados Unidos, foi publicado no periódico especializado Nature Medicine."
"A nova vacina foi criada a partir da mistura de diversos fragmentos de DNA para estimular o sistema imunológico - um diferencial em relação às demais vacinas criadas até agora com base na "terapia genética", que se utilizam apenas de um tipo de gene. Uma vez no corpo humano, a vacina com esse gene era responsável por produzir um único antígeno que ativava o sistema imunológico, destruindo as células cancerígenas. A criação dessas vacinas, no entanto, era um desafio para a ciência, já que determinar qual o antígeno específico em questão é extremamente difícil."

"Para esta pesquisa, os cientistas resolveram o problema usando diversos pedaços de genes do órgão afetado, para a produção de diferentes antígenos. Assim, a presença desses múltiplos DNA na vacina foi eficiente para fazer com que o organismo atacasse as células cancerígenas. A abordagem não levou o sistema imunológico à fadiga, uma preocupação prévia da equipe de pesquisadores."
"Para o tratar um câncer de próstata de um camundongo, por exemplo, os pesquisadores retiraram diversos pedaços de DNA de um tecido saudável da próstata. “O maior desafio na área de imunologia é desenvolver antígenos que podem atacar o tumor sem causar danos ao resto do corpo. Ao usar DNA da mesma parte do corpo onde está o tumor, poderemos resolver esse problema”, diz Alan Melcher, co-autor do estudo."
Bom, na minha humilde opinião de nem pós-graduada ainda, acredito que a ciência está sabendo aproveitar bem de toda a tecnologia servida e, sem dúvida, esse é um gigantesco avanço para as áreas médica, biomédica, farmacêutica e social. No entanto, é de responsabilidade político-governamental que todo e qualquer avanço científico-tecnológico seja acompanhado e financiado por órgãos públicos, uma vez que isto provavelmente possibilitaria garantir o acesso da população ao tratamento. Num segundo momento, podemos enxergar esse 'domínio' do governo como uma forma de efetuar as devidas propostas de política de saúde pública, onde a questão é focada na prevenção e não no tratamento.
Aqui estão alguns links de vídeos com informações sobre o câncer:
Câncer de próstata:
Câncer de mama:
Câncer de pulmão:






sexta-feira, 17 de junho de 2011



Eu não tenho muitas respostas e as que tenho são impermanentes, como os invernos, os fios desencapados, as medidas desmedidas. 
.................................
Tudo passa, o que queremos e o que não queremos que passe, a tristeza e o alívio coabitam no espaço da certeza.
..................................
Procuro sempre me lembrar dos momentos felizes e das pessoas que fazem parte da minha vida, da minha história, mas jamais me esqueço de que as perguntas mudam.
...................................
E eu, não tenho muitas respostas. O que eu tenho é fé. 








domingo, 12 de junho de 2011


Matrix 
e a Receita da Felicidade




Odair José (cantor e compositor brasileiro) gravou, em tempos passados, uma canção que tinha este refrão docemente existencialista: “Felicidade / não existe; / o que existe na vida / são momentos felizes”. 

Mas então, o que é a felicidade? Uma alegria sem sobressaltos, sem alterações, sem mudanças? Uma euforia momentânea cujo disco engancha e ficamos a senti-la forever? Um estado sorridente de-bem-com-a-vida, cheio de adjetivos, como a dos personagens de propagandas de refrigerantes e de creme dental? 
Mistério.

Vamos enxergar então essa cena: digamos que é construída uma máquina onde você pode se plugar e ter (virtualmente) qualquer sensação ou situação que desejar. Estímulos neuropsicológicos podem lhe dar uma impressão 100% real de estar escrevendo um livro, conversando com amigos, fazendo coisas interessantes que o tirem da normalidade. Só que você estaria de fato, o tempo inteiro, flutuando num tanque, com eletrodos afixados ao seu cérebro. 

Agora a pergunta é: Você acha que isso é a felicidade? Você gostaria de viver assim?

Suponhamos então que metade das pessoas diria: "Sim, por que não? Melhor viver assim, numa Felicidade Virtual, do que viver pegando trânsito, pagando contas, ralando no dia-a-dia". Ok; entendo perfeitamente que prefiram essa tranquilidade, essa utopia cibernética, esse paraíso artificial. 
Mas outra metade diria: "Não, prefiro viver como vivo, e me arriscar a não ser feliz nunca, ou ser apenas de vez em quando, como Odair José".  

Na minha percepção, o que chamamos de 'felicidade' não é um aspecto individual, é coletiva, ou pelo menos é socialmente interligada. Ser ou sentir-se feliz não é apenas sentir-se bem consigo mesmo, é sentir-se bem de uma maneira que dependa das consciências alheias. Não basta ser feliz, é preciso que nossa felicidade seja testemunhada e de certa forma compartilhada pelos outros.

Acredito eu que felicidade artificial em excesso, resulta em situações como quando nos recusamos a nos 'plugar nessa máquina', que nos proporciona tais experiências artificiais, exprimimos nossa crença profunda de que o que obtemos de uma máquina não é a coisa mais valiosa que podemos obter; não é o que queremos de um modo mais profundo, não importa o que possamos pensar quando estamos plugados nela. A vida nessa máquina não é a obtenção do que buscamos quando falamos numa vida feliz. 

Bom, sou bem suspeita para expressar minha opinião quanto a isso, já que aceito muito mais o concreto e material. Tenho nada contra as duas opções de vida, seja virtual ou não até porque cada um escolhe seu caminho, mas acredito que nada substitui uma boa convivência dia-a-dia.




quarta-feira, 8 de junho de 2011


Mudanças




Quando nos dedicamos, com o coração, à busca do autoconhecimento, é inevitável que chegue um instante em que algumas mentiras que contávamos para nós mesmos passem a não funcionar mais. 
................................
Os disfarces até então utilizados para fortalecer o nosso autoengano já não nos servem. Inábeis com a paisagem aos poucos revelada, às vezes ainda tentamos nos apegar a alguma coisa que possa encobrir a nossa lucidez, embaraçados que costumamos ser com as novidades, por mais libertadoras que sejam. 
...................................
É em vão. 
...................................
Impossível devolver a linha ao novelo depois que a consciência já teceu novos caminhos. Existem portas que se desmancham após serem atravessadas, como sonhos que se dissolvem ao acordarmos. 
................................
Não há como retornar ao lugar onde a nossa vida dormia antes de cruzá-las. Da estreiteza à expansão. 
..............................
Da semente à flor. Do casulo às asas, nos ensinam as borboletas.

Ana Jácomo.







domingo, 5 de junho de 2011


Viva, Viva, Viva a Vida!

Música linda, letra linda!




Eu costumava dominar o mundo
Mares se agitavam ao meu comando
Agora, pela manhã, durmo sozinho
Varro as ruas que costumava possuir
..............................

Eu costumava jogar os dados
Sentia o medo nos olhos dos meus inimigos
Ouvia como o povo cantava:
"Agora o velho rei está morto! Vida longa ao rei!"
Um minuto eu detinha a chave
Depois as paredes se fechavam em mim
E percebi que meu castelo estava erguido
Sobre pilares de sal e pilares de areia
...................................

Eu ouço os sinos de Jerusalém tocando
Os corais da cavalaria romana cantando
Seja meu espelho, minha espada e escudo
Meus missionários em uma terra estrangeira
Por um motivo que eu não sei explicar
Quando você se foi não havia
Não havia uma palavra honesta
Era assim, quando eu dominava o mundo
..................................

Foi o terrível e selvagem vento
Que derrubou as portas para que eu entrasse
Janelas destruídas e o som de tambores
O povo não poderia acreditar no que me tornei
Revolucionários esperam
Pela minha cabeça em uma prato de prata
Apenas uma marionete em uma solitária corda
Oh, quem realmente ia querer ser rei?
.....................................

Nunca uma palavra honesta
Mas, isso foi quando eu dominava o mundo.





sábado, 4 de junho de 2011


Madonna explica:







Como entender o contexto político-econômico mundial e ainda exercer seu direito à cidadania.








sexta-feira, 3 de junho de 2011


Video do dia!






Quem inventou a vida, quis mostrar que antes de qualquer coisa, devemos passar pela experiência.